Entenda o que é experiência do funcionário e como avaliá-la

Como anda a produtividade da sua empresa? Seus colaboradores costumam faltar muito, há vários conflitos na equipe e as metas mensais nunca são batidas? Talvez seja a hora de analisar como está a experiência do funcionário dentro da sua instituição.

Afinal, ter trabalhadores satisfeitos é uma das melhores formas de trazer grandes resultados para o negócio. Não é nenhuma novidade que funcionários valorizados e motivados produzem mais e estendem a experiência positiva a seus clientes.

Pensando nisso, preparamos este artigo para falar mais sobre a importância de investir no bem-estar do funcionário dentro da empresa. Acompanhe!

O que é a experiência do funcionário?

Essa abordagem é semelhante à experiência do consumidor. As diferenças entre as duas estão no foco e na aplicação. Essa estratégia busca uma nova forma de trabalhar, aplicando iniciativas que favoreçam o desempenho da equipe, a capacidade produtiva e a qualidade de vida do colaborador.

Três aspectos são muito importantes ao se pensar em experiência do funcionário:

  • ambiente tecnológico: a estrutura e as ferramentas disponíveis para que seus funcionários trabalhem corretamente;
  • ambiente de trabalho: a atmosfera e as facilidades (local para refeições, móveis confortáveis, temperatura agradável, entre outros) que são oferecidas dentro do estabelecimento;
  • cultura da empresa: como os colaboradores são motivados e se sentem trabalhando na instituição.

A experiência do funcionário se baseia na união dessas três características. É importante que a empresa crie um ambiente em que os colaboradores tenham vontade de estar e não apenas que trabalhem por obrigação.

Essa abordagem deve ser vista como um diferencial estratégico, pois como as pessoas se sentem em relação ao trabalho afeta diretamente como eles tratam o cliente, o que determina como o consumidor experimenta a marca.

Como analisar as experiências dos seus funcionários?

Cada colaborador é único, tem sua história, seus gostos e opiniões. Portanto, se você selecionar um grupo de funcionários e perguntar a cada um deles como melhorar o trabalho e a rotina dentro da empresa, cada um dará uma resposta diferente.

A melhor forma de analisar a experiência do funcionário é por meio de uma pesquisa de clima organizacional. Esses dados vão indicar onde estão os problemas e como você pode resolvê-los.

É importante analisar os feedbacks da sua equipe, desde o momento da contratação até o desligamento. Dessa forma, você entenderá o que causou a evasão de um talento e como ele se sente em relação ao tempo que trabalhou na empresa.

Por que implementar essa estratégia pode trazer grandes benefícios?

Os paralelos entre as experiências do cliente e do funcionário são incríveis. Investir nessa abordagem atrai talentos — quem não quer trabalhar em uma empresa em que os funcionários são felizes e valorizados? — e melhora o engajamento da equipe. Afinal, gente feliz trabalha com mais qualidade.

Motivar experiências humanas dentro da empresa, ou seja, valorizar os momentos com seus funcionários, ter empatia e ouvir a opinião de cada um deles são as chaves para o crescimento. É dessa forma que você garante o engajamento da equipe, que passa a trabalhar com muito mais vontade e lealdade.

Como sua empresa pode usar esses dados para convertê-los em ações de melhoria?

Antes de tudo, é necessário que você conheça seus colaboradores e os avalie desde o momento da contratação — treinamentos, aprendizado, envolvimento, desempenho e comportamento perante os feedbacks — até a rescisão.

Por meio dessas análises, você pode identificar onde esse funcionário se perdeu e assim, criar estratégias para melhorar a rotina dos seus colaboradores. Ninguém entenderá mais sobre a qualidade de vida no trabalho do que os próprios trabalhadores. Portanto, não deixe de ouvir o que eles têm a dizer.

Uma empresa que olha a experiência do funcionário com a mesma dedicação que olha a experiência do cliente tem tudo para crescer e se desenvolver. Os colaboradores ficam mais satisfeitos, o número de evasão de talentos diminui e os clientes obtêm um serviço melhor. Assim, a chave para o sucesso da sua empresa é investir na sua equipe.

Este post foi útil para você? Aproveite a visita e leia nosso artigo sobre retenção de talentos. Nele, você encontrará dicas incríveis para manter bons profissionais na sua empresa!