Como aumentar minha gestão de performance como líder? Entenda!

A função de um líder nas equipes vai muito além da avaliação e monitoramento dos índices de desempenho. As atividades passam também pelo viés humanitário e relacional, visto que suas equipes, constantemente, precisam estar motivadas e engajadas para que a gestão de performance dos colaboradores esteja em sintonia com o planejamento estratégico da empresa.

Dessa forma, é essencial que gestores responsáveis pela entrega de metas e resultados alinhem suas equipes a índices de desempenhos mais eficientes e produtivos. Para isso, existem diversas estratégias que podem ser adotadas para alavancar as vendas em qualquer modelo de negócio.

Mas você sabe o que é e como garantir a alta performance das equipes? Então, continue lendo este post!

O que é a gestão de performance?

A gestão de performance engloba todos os procedimentos, políticas e medidas aplicadas pelos gestores dentro das empresas para que os resultados previamente estabelecidos possam ser alcançados, de acordo com as sutilezas de cada contexto organizacional.

Nesse sentido, as equipes precisam contar com o suporte de líderes capacitados para a identificação de todas as variantes que influenciam na performance das equipes, potencializando os fatores positivos e minimizando os riscos de desvios. Por isso, além de reter todo o conhecimento técnico, gestores de sucesso precisam desenvolver e aprimorar um senso sofisticado de integração e interação entre seus colaboradores.

Qual a importância de ser um líder de alta performance?

A gestão de performance envolve a participação de um grupo vasto de colaboradores. Isso significa que, quanto mais pessoas trabalhando em conjunto, maiores as divergências e desafios à uniformização das tarefas na companhia.

Nesse sentido, diariamente, líderes devem saber lidar com diferentes personalidades, receios, ambições e expectativas em uma mesma equipe, a fim de garantir o cumprimento ou, até mesmo, a superação das metas.

Para isso, a alta performance produtiva pressupõe a ruptura das dificuldades individuais e o afloramento dos talentos de cada membro das equipes. Essas não são tarefas rápidas e fáceis de serem alcançadas. No entanto, é exatamente por esse motivo que a presença de um líder de alto desempenho, capaz de amadurecer e otimizar os aspectos individuais e coletivos nas relações de trabalho, é essencial na empresa.

Como fazer uma gestão de alta performance?

Sem sombra de dúvidas, o aprimoramento das equipes depende do quão capacitado esteja seu gestor. Isso porque todas as orientações, determinações e proibições (estabelecidas pelo líder da equipe) são fundamentadas nas suas experiências práticas e no conhecimento técnico obtido até então.

Por isso, o nível de competência do gestor reflete diretamente no grau de engajamento e motivação dos colaboradores. Nesse sentido, confira agora algumas dicas de como otimizar a gestão para obter uma alta performance das equipes!

Defina os objetivos com clareza

A identificação das etapas de otimização performática da empresa somente é possível por meio da definição dos objetivos a serem alcançados com o apoio de toda a equipe. Por isso, precisam ser apresentados com clareza a fim de que seja despertado o senso de união e propósito em cada colaborador participante.

Estabeleça uma comunicação aberta

O desenvolvimento de equipes de alta performance percorre uma série de medidas que requerem tempo, persistência e muito trabalho, tanto de gestores, quanto dos colaboradores. Assim, a manutenção de uma comunicação sempre aberta e democrática é um aspecto de grande relevância para uma boa gestão. Afinal, a interação aberta no meio empresarial fomenta a troca de experiências entre os funcionários, refletindo positivamente em melhores resultados.

Conheça o perfil dos colaboradores

Além disso, a identificação de cada perfil de colaborador e quais mais se enquadram nos cargos disponíveis facilita a otimização da gestão, na medida em que os trabalhos são mais bem executados pelos funcionários que detêm características pessoais e profissionais precisamente compatíveis a determinadas funções.

Defina as prioridades

As atividades podem ser categorizadas em diferentes graus de prioridade dentro da linha de produção. Por isso, o líder precisa estar sempre atento às urgências bem como aos imprevistos que requeiram a atenção imediata de alguns ou de todos os colaboradores.

A clareza nos objetivos influencia decisivamente nessa competência, porque garante o estímulo e dedicação dos funcionários, mesmo diante do encurtamento de prazos ou aumento temporário da carga de trabalho.

Assuma o papel de líder

Como dito, a presença do líder nas equipes extrapola as funções de monitoramento. Afinal, o engajamento e cuidados na manutenção motivacional das equipes faz-se indispensável para performances mais produtivas. Nesse sentido, em casos de conflitos internos, por exemplo, o gestor deve-se portar com grande senso de justiça durante a resolução dessas desavenças para que suas equipes não se sintam prejudicadas e, em consequência, desmotivadas.

Desenvolva competências de um líder de alta performance

Além dessas dicas de competência, o líder de sucesso precisa estar alinhado a tudo aquilo que possa-lhe oferecer novas perspectivas e opções de gestão mais eficientes e seguras. Assim, por exemplo, a absorção pela empresa de uma cultura organizacional focada na ajuda mútua de seus colaboradores condiciona-se a planejamentos de gestão, somente executáveis após a preparação do próprio líder para aplicá-los.

Como a Jazzer pode ajudá-lo com isso?

A premissa é verdadeira: todo líder de alto desempenho precisa saber lidar com pessoas e compreender seus pontos fortes e fracos sob uma perspectiva profissional. A partir disso, é possível incentivar cada gestor a apresentar melhores resultados. No entanto, a preparação de líderes para o uso das táticas mais adequadas faz toda a diferença nesse momento.

Dessa forma, a Jazzer oferece uma gama de treinamentos direcionados para o aprimoramento técnico e relacional das lideranças atuantes nos mais diversos segmentos de mercado.

Nossa metodologia destaca-se no mercado porque temos como princípio básico o equilíbrio entre absorção de conhecimento teórico e o seu uso prático. Para isso, situações reais do mundo corporativo são introduzidas aos participantes por meio de facilitadores, que instigam e provocam o pensamento além dos paradigmas convencionais.

Toda a técnica é apresentada de forma que sejam capazes de repensarem a gestão nas empresas com ferramentas e soluções já testadas e aplicáveis no mercado empreendedor.

Os workshops têm duração de aproximadamente 2 horas e meia, sendo que o objetivo final é garantir a seus participantes o desenvolvimento de competências estratégicas de liderança, como o pensamento sistêmico, a consciência externa, a gestão de performance, o trabalho em equipe, a resiliência etc.

Portanto, a otimização da gestão é uma das atribuições dos líderes nas empresas. Diversas medidas podem ser, pouco a pouco, incorporadas nas equipes, como identificação dos perfis de colaboradores, definição de objetivos claros, estabelecimento de uma comunicação aberta entre equipes etc.

Para isso, as lideranças podem contar com nossos treinamentos capazes de fornecer todo o preparo necessário para a otimização da gestão de performance das equipes. Quer conhecer melhor como funcionam esses workshops? Então, entre em contato conosco!